ATÉ QUANDO OS GRANDES ÍDOLOS DE FUTEBOL DO BRASIL VÃO SE OMITIR COM RELAÇÃO AO RACISMO, AOS PRECONCEITOS E ÀS BRUTAIS DESIGUALDADES SOCIAIS NO BRASIL?

Por Joao Evangelista (Corrente Comunista Revolucionária), 24 de fevereiro de 2016, http://elmundosocialista.blogspot.com

 

 

Sócrates Brasileiro Sampaio de Souza Vieira de Oliveira, ou somente Sócrates, não o grande filósofo grego, mas o grande jogador de futebol, e formado em medicina, que com seus companheiros de seleção brasileira encantou o planeta na Copa do Mundo de 1982, em Espanha. Pois bem, a ditadura militar do Brasil termina oficialmente no ano de 1985, com a eleição, pelo colégio eleitoral, de Tancredo Neves. Porém Sócrates notabilizou-se também por sua militância política, particularmente nos anos 1980, quando liderou um movimento pela democratização do futebol e também do país. Participou do movimento pelas “Diretas já! ”, ou seja, ele foi um militante ativo pelo direito de eleger pelo voto direto e secreto o presidente da República.

 

Sócrates faleceu em 2011 e deixou saudades e lições. Não só um génio do futebol, também um lutador militante pela democracia. Comparativamente podemos dizer que ele foi a versão nacional do boxeador estadunidense Cassius Clay (Mohamed Ali) que se recusou ser enviado à guerra do Vietnã e os atletas olímpicos de 1968, Tommie Smith e John Carlos, em seu corajoso protesto contra o racismo, que causou escândalo na época. Mas Sócrates era uma feliz exceção em todos os sentidos. Infelizmente não foi e não é esse o modelo para os ídolos recentes.

 

Edson Arantes do Nascimento, o nosso maior exemplo de perfeição futebolística, reconhecido mundialmente, o denominado “atleta do século”, nos anos 80, em plena campanha pela democratização do país, contra a ditadura militar chegou a declarar que “O povo brasileiro não está preparado para votar, por falta de prática e de educação. Vota mais por amizade! ”. Além disso, Pelé sempre negou que havia racismo no futebol, aliás, na mente de Pelé o racismo simplesmente não existe, é uma ilusão de ótica de quem vê, e do supostamente pouco que ele enxerga, ele recomenda não denunciar, não protestar. Pelé é um verdadeiro “Pai Thomas”.

 

Ronaldo Luís Nazário de Lima, mais conhecido como Ronaldo, Ronaldo Fenômeno ou ainda Ronaldinho, é considerado por especialistas como um dos maiores jogadores de futebol de todos os tempos. Pois bem, esse mesmo Fenômeno, ao fazer um comentário sobre a discriminação racial nos estádios de futebol, disse uma inacreditável frase “Acho que todos os negros sofrem (com o racismo). Eu, que sou branco, sofro com tamanha ignorância! ”. Mas ignorância é a dele ao não perceber que ele é afrodescendente. Ronaldo Nazário recentemente se uniu às manifestações pelo impeachment da presidente eleita Dilma Rousseff, assim se alinhando aos setores mais reacionários e conservadores para defender o golpe de estado. Durante as preparações para a Copa do Mundo de 2014, com vários protestos, reprimidos pela polícia, contra os absurdos gastos de verbas públicas, obviamente retiradas da saúde, educação e habitação, Ronaldo Nazário declarou “Não se faz Copa do Mundo construindo hospitais! ”. É lógico, sendo ele milionário, ele e sua família tem acesso aos melhores hospitais.

 

Romário de Souza Faria, mais conhecido apenas como Romário, campeão mundial de futebol em 1994 quando o evento aconteceu nos EUA. Foi eleito senador no Estado do Rio de Janeiro,pelo PSB-Partido Socialista Brasileiro, que alias, de socialista não tem nada. Pois bem, Romário se destacou no parlamento em ferozes discursos contra a corrupção no futebol brasileiro e na Fifa. Atualmente é presidente do PSB no Estado. Em abril de 2015, concedeu uma polêmica entrevista à revista esportiva Placar em que revelou pela primeira vez o desejo de um dia se tornar prefeito do Rio de Janeiro e disse uma frase emblemática sobre a política brasileira “Achava que política era lugar de ladrão e sacanagem. E eu tinha razão!”. Em seguida à publicação, o senador pediu desculpas em sua conta no Facebook e disse que se empolgou durante a entrevista. Ele afirmou em nota que "existem ótimos políticos no Congresso Nacional”. Quando a crise política em 2015 avançou para a tentativa de impeachment da presidente o senador declarou que é preciso ter cautela dizendo "Independente de ser a favor ou contra ( o imoeachment), nós senadores queremos que o país volte a recuperar suas diretrizes de crescimento para sair dessa crise. No atual contexto e de forma oportunista , Romário se coloca amplamente a favor do Golpe de Estado. Mas nada é por acaso, Romário agora está jogando para a sua nova platéia: a direita reacionária e golpista. Como já informamos, ele é um dos próximos candidatos a prefeito da cidade do Rio de Janeiro em Outubro de 2016.

 

Daniel Alves, atual titular da seleção Brasileira, e ídolo no fantástico time do Barcelona, em 2014 numa partida pelo campeonato espanhol, em mais um episódio de racismo no futebol, um torcedor do Villareal lançou uma banana em direção ao brasileiro, mas o lateral reagiu com humor ao morder a fruta antes de retomar a partida. O fato viralizou nas com as redes sociais em âmbito mundial, a grande congratulando-se com o jogador e contra o racismo. Várias personalidades se solidarizaram com Alves, inclusive o atual ídolo Neymar da Silva Santos Júnior, mais conhecido como Neymar Junior. 

 

O mesmo Neymar foi vítima de racismo em janeiro de 2016 no jogo do Barcelona contra o Espanyol. No início da partida, a torcida entoava cantos racistas e, durante o jogo, quando o brasileiro tocava a bola, alguns torcedores faziam barulhos de macacos. O ex-dirigente do Barcelona, Toni Freixa, em sua conta no Twitter escreveu “Espero que os gritos racistas a Neymar seja registrada na ata da arbitragem”. Mas de forma absolutamente inexplicável Neymar declarou “Não escutei os gritos. Não escuto coisas fora do campo. É difícil as coisas me incomodarem, apenas jogo futebol! ”. Neymar é um verdadeiro discípulo de Pelé. 

 

Atualmente o jogador, junto com o seu pai, e o ex-presidente do Barcelona sofrem processos do judiciário espanhol e brasileiro por suposta fraude multimilionária na sua transferência do time do Santos para o time catalão. Os jornais informam que o valor da fraude ultrapassa 170 milhões de reais, com evidentes prejuízos às cores públicas deixadas de ser recolhidos como impostos. Nos jornais brasileiros, estranhamente, em vez dessas notícias relativas à suposta fraude milionária estarem nas páginas dedicadas aos crimes de corrupção e lavagem de dinheiro, elas estão nas páginas esportivas. Obviamente, é uma forma de esconder da população que o seu principal ídolo pode ter sonegado milhões de reais em impostos, que poderiam estar à disposição da saúde, educação, habitação, etc. Neymar e Ronaldo Nazário se equivalem.

 

Enquanto isso, milhares de jovens de todo Brasil, da periferia, das favelas sonham em ser o próximo fenômeno do futebol. Tal sonho é para muito poucos. A grande maioria dos jogadores de times de futebol no país não alcança nem a fama nem a fortuna. É uma ilusão tão grande como pensar que vai ganhar na loteria a qualquer momento. Muitos não dão valor aos estudos, largam a escola cedo para ingressar nos testes para garotos nos clubes e quando são aprovados geralmente o salário não passa de 2 salários mínimos. Quando se tornam mais adultos, sem o sucesso profissional, sem a necessária formação educacional, semianalfabetos, é que percebem que perderam parte considerável de suas vidas em busca de um sonho impossível.

 

Os atuais ídolos do futebol brasileiro, e alguns antigos como Pelé, são exemplos de alienação política, oportunismo, ostentação de riqueza, sonegação de impostos, omissão completa diante dos fatos mais grotescos de racismo, homofobia, machismo, etc.

 

Como disse uma vez o grande dramaturgo e poeta alemão Bertolt Brecht “Infeliz da nação que precisa de heróis! ”

 

 

 

 http://www.thecommunists.net/home/portugu%C3%AAs/nao-ao-impeachment/

 

http://www.pragmatismopolitico.com.br/2013/04/cristiano-ronaldo-e-israel-nao-troco-camisa-com-assassinos.html

 

https://www.youtube.com/watch?v=ECCLqy-bVMg

 

 

 

 

 

Free Homepage Translation